Água Marinha

O nome é graças a sua cor, que parece a cor do mar (do latim água marinha). Os marinheiros na antiguidade a levavam em suas viagens para proteção e a jogavam no mar para satisfazer a ira de Poseidon, o deus dos mares. O gosto pela Água Marinha mudou consideravelmente através dos anos. A variedade verde-mar foi por muito tempo a mais valorizada. Os consumidores de hoje, no entanto, procuram mais por variedades que mostrem tons de azul mais escuros, em tons mais saturados. A maior água marinha com qualidade para lapidação foi encontrada no estado de Minas Gerais pesando 110,5 kg. O Brasil é um dos maiores produtores dessa gema.

Água Marinha